logo-votelgbt-site-2018.png

O #VoteLGBT é um projeto de ações que abordam direitos da população LGBT em toda sua complexidade, de forma interseccional, plural e diversa. Os trabalhos são propostos como dispositivos artísticos, pedagógicos e políticos concebidos como possibilidades de diálogo e estão relacionados com uma percepção expandida do campo da arte. Objetivamos, assim, disputar as narrativas de representação e intervir diretamente na esfera social.

O coletivo tem atuado especialmente no debate das representatividades políticas de corpos historicamente minorizados e parte de uma concepção de política como um espaço simbólico de disputa. A atuação neste campo tem como foco ações diretas no tecido social e uma real negociação das representações de corpos e subjetividades diversas. O #VoteLGBT tem elaborado uma ampla gama de ações como pesquisas de perfil político de pessoas LGBT, incidências legislativas, promoção de visibilidade a candidaturas LGBT e pró-LGBT e campanhas de sensibilização.

votelgbt.org

facebook.com/votelgbt

 

2018

Performance para TV, 2018

Rede Globo, 7’33”, cor

Matéria “Além do voto” do programa Como Será?, exibida em 21/07/2018 abordando histórico do #VoteLGBT, a incidência junto ao TSE, a pesquisa na Parada e a articulação dentro do #MeRepresenta.

 
 

Direito à participação política, 2018

incidência sobre judiciário

1 de 6256

Articulação de consulta pública junto ao TSE pedindo respeito às identidades trans para pleno exercício do direito político de votar e se candidatar. Após o sucesso da consulta, 6256 trans puderam alterar um documento oficial e usar o nome e/ou gênero que se identificavam no título de eleitor.

Aliadas: Senadora Fátima Bezerra-RN, Ademar Costa Filho, Professora Luiza Coppieters, Paulo Iotti & Gadvs.

 
 

(em %)

Sobre Prioridades, 2018

1230 entrevistas presenciais e 6001 entrevistas online.

Pesquisa realizada na Parada do Orgulho LGBTI+ de São Paulo e na Caminhada de Mulheres Lésbicas e Bisexuais. Pedimos que cada entrevistado dissesse quais eram as 3 pautas mais importantes para a luta LGBT de hoje.